Serra vota com Kassab e diz que espera 'o melhor resultado'

Governador evitou vincular a provável vitória de Kassab a seu projeto de disputar a presidência em 2010

CARMEN MUNARI E ALICE ASSUNÇÃO, REUTERS

26 de outubro de 2008 | 11h29

O governador do Estado, José Serra (PSDB), votou na manhã deste domingo ao lado de seu candidato, o prefeito Gilberto Kassab (DEM), no Colégio Santa Cruz, na zona oeste da capital paulista, e previu que a eleição terá "o melhor resultado".   Veja também:Marta afirma ter sido penalizada pela Justiça Onde votar: Ferramenta traz endereço e mapa do local de votação Geografia do voto: desempenho dos partidos no País  Cobertura completa das eleições 2008  Eu prometo: Veja as promessas de campanha dos candidatos Acompanhe a apuração em tempo real Tire suas dúvidas sobre as eleições  Veja últimas pesquisas Ibope/Estado/TV Globo  "Meu voto é Kassab", disse Serra a jornalistas ao chegar em um ônibus ao colégio, junto com o prefeito e correligionários da campanha, que tem o apoio do PSDB. Apesar de otimista, o governador evitou adiantar o desfecho da eleição municipal deste domingo, em que o prefeito tem ampla vantagem sobre sua adversária Marta Suplicy (PT). "Quem fala, quem decide é o povo que vota em toda a nossa cidade, e vota num clima de tranquilidade, num clima de democracia. E nós vamos chegar, eu tenho certeza, ao melhor resultado", acrescentou.2010Serra evitou vincular a provável vitória de Kassab a seu projeto de disputar a presidência da República em 2010. "O que eu estou preocupado não é com as eleições para presidente, o que eu estou preocupado é com a cidade de São Paulo. Que continue uma administração de qualidade para nossa cidade. Eleição presidencial está muito longe", completou, reconhecendo que a eleição fortalece a aliança entre PSDB e  DEM. Pânico Depois de votar, Serra deixou o Colégio pelos fundos, ignorando a imprensa. Já Kassab disse que sua eleição retoma a parceria entre os dois partidos. O prefeito foi abordado por uma equipe do programa Pânico na TV, da Rede TV. "O Pânico tem um presente para você. Kassab, pode casar com a noiva do Pânico", gritava para o prefeito um dos repórteres do programa.  A noiva ainda subiu no carro do prefeito, que ignorou a insistência e deixou o Colégio.

Tudo o que sabemos sobre:
ELEICOESSPSERRA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.