Estadão
Estadão

Serra e Suplicy oscilam um ponto para baixo e estão tecnicamente empatados

Tucano passou de 35% para 34% das intenções de voto e petista, de 32% para 31%, segundo pesquisa feita pelo Instituto Datafolha

Daniel Galvão , O Estado de S. Paulo

11 de setembro de 2014 | 20h17


Os candidatos a senador José Serra (PSDB) e Eduardo Suplicy (PT), que lideram a campanha eleitoral para o Senado em São Paulo, oscilaram um ponto porcentual para baixo cada um, de acordo com pesquisa do Instituto Datafolha divulgada nesta quinta-feira, 11, pela TV Globo. Serra foi de 35% das intenções de voto do levantamento divulgado no dia 4 para 34% na sondagem atual. Já Suplicy, que tinha 32%, está agora com 31%. Como a margem de erro é de 2 pontos porcentuais para mais ou para menos, eles estão tecnicamente empatados.

O candidato Gilberto Kassab (PSD) oscilou um ponto porcentual para cima - de 8% para 9%. As candidatas Ana Luiza (PSTU) e Marlene Campos Machado (PTB) têm 2% cada. Já Fernando Lucas (PRP) e Kaka Wera (PV) aparecem com 1%. Não pontuaram Edmilson Costa (PCB), Genildo Moreira (PSB), Senador Fláquer (PRTB) e Juraci Garcia (PCO). Os votos em branco e nulos somaram 9%, e 10% dos entrevistados não souberam responder.

O levantamento, contratado pela TV Globo e pelo jornal Folha de S.Paulo, foi realizado na segunda, 8, e terça-feira, 9. Foram entrevistados 2.046 eleitores em 56 cidades do Estado.

O nível de confiança é de 95%. Isso significa que, se forem realizadas 100 pesquisas, em 95 delas os resultados estariam dentro da margem de erro de 2 pontos prevista. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo SP-00029/2014 e BR-00584/2014.

Tudo o que sabemos sobre:
EleiçõesJosé SerraEduardo Suplicy

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.