Sem vices, Serra e Chalita lançam candidatura

O ex-governador José Serra será lançado neste domingo pré-candidato a prefeito pelo PSDB, com um discurso em que pretende comparar os feitos da sua gestão e do sucessor e aliado Gilberto Kassab (PSD) com a administração do PT, de Marta Suplicy.

BRUNO BOGHOSSIAN, ESTADAO.COM.BR FELIPE FRAZÃO, O Estado de S.Paulo

24 de junho de 2012 | 03h05

A sua equipe discutia se, na análise comparativa, deveria entrar também as gestões de Celso Pitta e Paulo Maluf, que anunciou aliança com o PT, do pré-candidato Fernando Haddad.

Na convenção municipal tucana, em um ginásio no Ibirapuera, Serra fará balanço do seu governo na Prefeitura (2005-2006), destacará os investimentos em cultura e no ensino técnico e falará das marcas sociais da sua gestão. O foco do discurso será a cidade, embora o tucano pretenda abordar temas de repercussão nacional. Serra se lançará candidato sem um vice. A indicação sai apenas na semana que vem.

O PMDB, de Gabriel Chalita, também realiza convenção neste domingo, na Praça da Sé. O pré-candidato, que também não escolheu o vice na sua chapa, apresentará o esboço de um plano de revitalização da região central.

O projeto está nas mãos do ex-ministro Antonio Delfim Netto e da geógrafa Maria Adélia, da USP, que, segundo o candidato, está riscando mapas da desigualdade entre os bairros. Outro de seus projetos é incentivar a abertura de novos teatros no Bexiga: "Quero criar a Broadway paulistana", diz o pré-candidato.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.