DANIEL TEIXEIRA/ ESTADÃO
DANIEL TEIXEIRA/ ESTADÃO

Resumo das Eleições 2018: Voto feminino em Bolsonaro cresce e temor de derrota no PT

Skaf anuncia apoio no segundo turno ao candidato do PSL contra o PT; veja os destaques desta quinta-feira, 4

O Estado de S.Paulo

04 Outubro 2018 | 17h18

De segunda a sexta, o Estado publica resumos com as principais notícias sobre as campanhas e o dia dos candidatos nas eleições 2018.

Confira abaixo os destaques desta quinta-feira, 4:

Voto feminino em Bolsonaro cresce no Sul e Sudeste

A intenção de voto do público feminino do candidato à Presidência pelo PSLJair Bolsonaro, chegou a 26%, seu melhor desempenho desde o início do perído eleitoral. A informação é da mais recente pesquisa Ibope/Estadão/ TV Globo divulgada nesta quarta-feira, 3. Com esse índice, o voto feminino em Bolsonaro dobrou desde o início das pesquisas eleitorais em agosto, quando figurava com 13%

“O que percebemos é que as mulheres que hoje declaram voto ao Bolsonaro têm um perfil mais semelhante ao dos homens: renda mais alta, maior escolaridade e mais concentrado em Sul e Sudeste”, afirmou a diretora do Ibope, Márcia Cavallari, nesta quinta-feira, 4, em entrevista à Rádio Eldorado.

Bolsonaro faz ofensiva no Nordeste 

O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, iniciou nesta quinta-feira, 4, uma ofensiva para atrair o eleitor nordestino. É na região que ele apresenta o pior desempenho segundo a última pesquisa Ibope/Estadão/TV Globo divulgada na quarta-feira à noite.

Pelo Twitter, ele disse que o "Brasil é um gigante hoje" pela força da população do Nordeste. Em entrevista à Rádio Jornal do Commercio, do Recife, Bolsonaro declarou que, se eleito, não vai "fechar as torneiras" para os governadores de partidos de oposição e, criticando o candidato do PT ao Planalto, Fernando Haddadlamentou a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e elogiou o petista condenado pela Lava Jato.

A região é a única em que ele aparece atrás do seu principal adversário, o candidato Fernando Haddad (PT). De acordo com o Ibope, Bolsonaro lidera as intenções de voto no quadro nacional com 32% e Haddad aparece com 23%. No Nordeste, Haddad tem 36% das intenções de voto e Bolsonaro, 21%.

Skaf declara apoio a Bolsonaro no segundo turno contra o PT

O candidato do MDB ao governo de São Paulo, Paulo Skaf, afirmou nesta quinta-feira, 4, que vai apoiar o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL) em um eventual segundo turno contra o ex-prefeito Fernando Haddad (PT) na disputa presidencial.

"Eu não ficarei neutro em hipótese nenhuma. E não há hipótese em eu apoiar o candidato do PT. O meu apoio será para Jair Bolsonaro", disse Skaf, após visitar uma unidade da AACD na capital paulista. 

Temor de derrota no 1º turno nas eleições 2018 leva tensão ao PT

O desempenho do candidato Fernando Haddad nas mais recentes pesquisas do Ibope e Datafolha e a ameaça de uma derrota no primeiro turno para Jair Bolsonaro (PSL) acentuaram diferenças internas e levaram o PT a procurar culpados e buscar correções na reta final da disputa presidencial nas eleições 2018. O principal revés da candidatura Haddad ocorreu no índice de rejeição, que disparou nos últimos dias – crescendo de 9 a 11 pontos porcentuais nas sondagens dos institutos divulgadas nesta semana. 

Segundo relatos, as discordâncias entre o círculo mais próximo de Haddad e o grupo ligado à direção do PT ficaram evidentes na reunião da coordenação da campanha realizada nesta terça-feira, 2, na casa que abriga a produtora de vídeos da campanha, em São Paulo. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.