Rejeitada liminar contra debate em Macapá

O prefeito de Macapá, Roberto Góes (PDT), que tenta a reeleição, ingressou na Justiça Eleitoral com pedido de liminar para cancelar o debate marcado para as 22h30 de ontem na TV Band Macapá. Ele alegou que sua assessoria não tinha sido informada das regras do debate. O juiz Marconi Pimenta indeferiu ontem o pedido de liminar, pois a emissora provou que nas reuniões com assessores dos candidatos do 1.º turno as regras e a data do debate deste turno já tinham sido informadas. / ALCINÉA CAVALCANTE, ESPECIAL PARA O ESTADO

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.