Quem depende mais do Bolsa Família

Pequeno município do Maranhão é recordista nacional em proporção de beneficiados pelo programa

O Estado de S. Paulo

21 de setembro de 2014 | 02h00

A cidadezinha de Junco do Maranhão, na fronteira maranhense com o Pará, é a recordista nacional de dependência do Bolsa Família: ele atende a 91,8% de seus 4.020 habitantes. 

Na lista das “dez mais” do País seguem-se Sebastião Barros (Piauí, 88,8%), Calumbi (Pernambuco, 84,2%), Belo Monte (Alagoas, 83,5%), Pavussu (Piauí, 83,5%), Alcântara (Maranhão, 83,2%), Brejo do Piauí. 82,2%), Serrano (MA, 82,2%), Palmeirândia (MA, 80,1%) e Coronel Gervásio (Piauí, 79,7%)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.