PTB ganha briga por diretoria na Codevasf

Transformada há tempos em feudo do PSB, estatal cede área da Irrigação a petebista; decisão de Dilma é pagamento por apoio na aprovação da DRU

JOÃO DOMINGOS / BRASÍLIA, O Estado de S.Paulo

08 de janeiro de 2012 | 03h04

O PSB perdeu para o PTB, no fim de 2011, a disputa pelo controle da Diretoria de Gestão para Empreendimentos de Irrigação da Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco e Parnaíba (Codevasf). O setor foi entregue, em 23 de dezembro, a José Solon Braga Filho, afilhado político do senador João Claudino (PTB-PI).

O cargo é estratégico para os partidos políticos. A presidente Dilma Rousseff promete para este ano um pacote de obras de irrigação que dará forte visibilidade a quem tocar o projeto. O PSB, que vinha controlando a Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco e Parnaíba (Codevasf), reivindicava a diretoria. A Codevasf está entregue a Clementino Coelho, irmão do ministro Fernando Bezerra Coelho (Integração Nacional).

A presidente Dilma Rousseff, no entanto, decidiu presentear o PTB pela fidelidade do partido na votação da emenda constitucional que garantiu ao governo o direito de gastar livremente R$ 62 bilhões por ano - a chamada Desvinculação das Receitas da União (DRU) - até dezembro de 2015. Sem essa liberdade, o governo perderia um instrumento crucial para enfrentar a crise internacional.

Neste momento, as atenções de todas as legendas que disputam cargos importantes no governo estão voltadas para as estatais do Nordeste, devido à crise surgida com a informação de que o ministro Fernando Bezerra Coelho (Integração Nacional) privilegiou Pernambuco com as verbas para o combate às tragédias provocadas por enchentes.

Padrinho antigo. O cargo de presidente da Codevasf, por exemplo, tem sido entregue ao PT do Piauí desde que Luiz Inácio Lula da Silva assumiu o poder, em 2003. O padrinho sempre foi o ex-governador e hoje senador Wellington Dias (PT).

Acontece que, ao assumir o governo, em janeiro de 2011, Dilma Rousseff não nomeou presidente para a Codevasf. Permitiu que Fernando Bezerra levasse ao posto, interinamente, seu irmão Clementino.

A disputa entre os partidos é intensa. Em junho, PSB e PT juntaram-se ao PMDB do Ceará e garantiram a indicação de Jurandir Santiago à presidência do Banco do Nordeste (com R$ 280 milhões para investimentos, em 2011). Em dezembro, a presidente cedeu à pressão do PSB e nomeou João Bosco de Almeida para a Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf). Ele era o secretário de Recursos Hídricos de Pernambuco. Como ocorreu com o PTB, essa nomeação foi uma forma de o governo recompensar o PSB por apoiar projetos de seu interesse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.