PSDB paulista diz que eleições fortaleceram legenda em SP

Este ano, o partido disputou as eleições no Estado com candidatos próprios a prefeito em 419 municípios

Agência Estado

08 de outubro de 2008 | 15h30

O presidente do Diretório Estadual do PSDB paulista, deputado Mendes Thame, afirmou nesta quarta-feira, 8,  que o primeiro turno dessas eleições municipais teve como saldo um PSDB ainda mais forte em São Paulo. A legenda, que teve 195 prefeitos eleitos nas eleições municipais passadas (2004), teve neste primeiro turno 201 candidatos eleitos e a expectativa é de que o número possa crescer no segundo turno.  "Este é o resultado do trabalho realizado entre 2006 e 2007, quando concluímos a implantação de diretórios do PSDB na totalidade dos 645 municípios do Estado de São Paulo", destacou Thame. Este ano, o partido disputou as eleições  no Estado com candidatos próprios a prefeito em 419 municípios. O presidente dos tucanos paulistas destaca, ainda, que o PSDB obteve importantes vitórias em municípios com mais de 200 mil eleitores. E argumenta: "Se considerarmos que em outros 98 municípios o PSDB esteve coligado apoiando candidatos a prefeito de outras siglas (que foram eleitos), o partido passa a ter influência política em mais de 300 municípios do Estado." E cita que o PSDB elegeu, por exemplo, prefeitos em Piracicaba, Sorocaba, Franca, Jundiaí e São José dos Campos. E no segundo turno, está na disputa em cidades como Guarulhos, Bauru e São Bernardo do Campo.

Tudo o que sabemos sobre:
PSDBeleições 2008segundo turno

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.