PSDB municipal de SP ameaça expulsar Clóvis Carvalho

O presidente do diretório municipal do PSDB-SP, José Henrique Reis Lobo, ameaçou hoje o tucano Clóvis Carvalho de expulsão do partido e o acusou de dar "ajuda aos inimigos" ao criticar Geraldo Alckmin, candidato da legenda à Prefeitura. Em nota divulgada hoje, Lobo afirma que acionará a Comissão de Ética para avaliar se Carvalho "terá condições de permanecer" no partido.Em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo desta segunda-feira, Carvalho acusou Alckmin de "oportunismo" e "falta de decoro", em razão do acirramento das críticas do tucano a Gilberto Kassab, prefeito e candidato à reeleição pelo DEM. Secretário municipal de Governo, Carvalho faz parte do grupo de tucanos que apóia Kassab.Segundo Lobo, Carvalho esteve ausente das discussões para escolha do candidato a prefeito e nunca militou no PSDB. "Não é aceitável que, num momento como esse, em que se pede a todos bom senso e ponderação, ele se preste a um papel que só ajuda aos inimigos do PSDB", disse Lobo.O presidente do PSDB municipal afirmou ainda que Carvalho - ministro da Casa Civil do então presidente Fernando Henrique Cardoso - agora se parece com o DEM. "Lamento que ele tenha desaprendido regras de elegância e de etiqueta e que sua conduta o mostre hoje mais próximo do DEM do que do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.