Divulgação MDB
Divulgação MDB

PSDB desiste de candidatura própria em Rio Preto

Após visita do governador João Doria, tucanos optam por apoiar candidato do MDB, o atual prefeito, Edinho Araújo

Daniele Jammal, especial para o ‘Estadão’, O Estado de S. Paulo

15 de setembro de 2020 | 20h18

SÃO JOSÉ DO RIO PRETO – O PSDB não terá candidatura própria em São José do Rio Preto na eleição deste ano e vai apoiar a coligação do atual prefeito Edinho Araújo (MDB), cujo vice é o ex-deputado estadual Orlando Bolçone (DEM). A definição saiu no final da tarde desta terça-feira, poucas horas depois da passagem do governador João Doria (PSDB) pela cidade, onde ele se encontrou com Edinho no aeroporto e inaugurou a Deic (Divisão Especializada de Investigações Criminais).

Desde o último sábado, com a desistência do pré-candidato tucano, o vereador Renato Pupo, não havia consenso sobre qual rumo deveria ser tomado na campanha majoritária. Um outro pré-candidato chegou a ser apresentado e as conversas de bastidores se intensificaram com o MDB e com o PSB, comandado pelo ex-prefeito Valdomiro Lopes da Silva Júnior que, até o momento, não oficializou sua candidatura. 

Em nota conjunta, assinada pelos presidentes Marco Vinholi (Diretório Estadual), que integrou comitiva de Doria, e Manoel Gonçalves (Diretório Municipal), o PSDB declarou que a “decisão levou em conta o correto trabalho do prefeito durante sua gestão, o desenvolvimento da cidade, o apoio do vice-governador Rodrigo Garcia e a parceria com o governador João Doria”. 

Também em nota, Edinho e Bolçone declararam que “estão se sentindo honrados com o apoio do PSDB”. As convenções do PSB e do PSDB estão marcadas para amanhã, dia 16.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.