Presidente discute segurança para ato na quarta-feira

A presidente Dilma Rousseff determinou a seus ministros que se mobilizem para que o governo dê à população, o quanto antes, as respostas cobradas nos protestos. Mesmo sendo dia do aniversário de 90 anos de sua mãe, Dilma convocou ontem de manhã reunião com os ministros José Eduardo Cardozo (Justiça), Celso Amorim (Defesa) e Gleisi Hoffmann (Casa Civil) para discutir a nova manifestação marcada para quarta-feira. Hoje à tarde, a presidente recebe governadores e prefeitos das capitais. Dilma tem repetido que considera intolerável que continuem a ocorrer atos de vandalismo. A ação de inteligência, neste caso, é considerada fundamental. Só que, mais uma vez, José Elito, que comanda a Agência Brasileira de Inteligência (Abin), ficou de fora da reunião com Dilma.

Tânia Monteiro, O Estado de S.Paulo

24 Junho 2013 | 02h04

Mais conteúdo sobre:
protestosprotesto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.