Pimentel e Wagner não comentam caso

O ministro do Desenvolvimento, Fernando Pimentel, disse, por meio da assessoria, que não se pronunciará sobre a Operação Porto Seguro. O governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), também não quis falar sobre a agenda de Rosemary Noronha. O deputado Paulo Teixeira (PT-SP) disse que, na condição de parlamentar, participou de diversos encontros no escritório da Presidência em São Paulo nos últimos anos. Ele, porém, afirmou que nunca teve relação próxima com representantes do escritório.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.