PF identificou 'operador'

A Polícia Federal aponta o empresário Adir Assad como operador do esquema Delta. A Operação Saqueador fez buscas no apartamento dele no Morumbi, em São Paulo. A Justiça Federal decretou o sequestro de bens imóveis e bloqueio de contas do empresário. Seu advogado, Miguel Pereira Neto, rechaça as acusações e diz que Assad exerce atividades empresariais. A PF mira outros 15 suspeitos, inclusive o controlador da Delta, Fernando Cavendish.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.