Pernambuco decide listar passageiros dos voos oficiais

Um dia depois de a oposição a Eduardo Campos na Assembleia Legislativa anunciar que irá investigar os gastos do governo com voos fretados, o governador de Pernambuco assinou ontem decreto instituindo a obrigação de divulgação dos dados relativos a viagens aéreas custeadas pelo Estado. A partir de primeiro de agosto, o Portal da Transparência estadual vai informar os nomes dos passageiros, destinos e motivação das viagens feitas pelo governador, secretários, dirigentes de órgãos e empresas públicas e por quaisquer servidores públicos.

Ângela Lacerda, O Estado de S.Paulo

17 de julho de 2013 | 02h09

O governo gastou R$ 5,17 milhões com deslocamentos em aviões e helicópteros fretados de janeiro de 2012 a junho de 2013. "Foi o nosso governo que criou o Portal da Transparência e colocou na internet as despesas públicas para que a sociedade possa consultá-las, atendendo cobrança que era feita há décadas", afirmou Campos, possível candidato à Presidência pelo PSB.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.