Bruno Alencastro/PCdoB
Bruno Alencastro/PCdoB

PCdoB oficializa Abigail Pereira para o governo gaúcho nas eleições 2018

Evento em Porto Alegre contou com a presença da candidata à Presidência pelo partido, Manuela D’Ávila

Filipe Strazzer, O Estado de S.Paulo

04 Agosto 2018 | 19h57

PORTO ALEGRE - O PCdoB do Rio Grande do Sul oficializou a candidatura de Abigail Pereira ao governo do Estado. Em convenção realizada neste sábado, 4, o partido também confirmou Tiago Souza da Silva como vice e Everlei Martins como candidato único ao Senado. O evento contou com a presença da candidata à Presidência da República Manuela D’Ávila (PCdoB).

Abigail é servidora pública e foi secretária de Turismo na gestão Tarso Genro (PT) e candidata a vice do petista nas eleições para governador em 2014. Na convenção, ela defendeu “um novo modelo” para o Estado, que vive grave crise financeira. "Vamos debater que modelo de Estado o Rio Grande precisa para enfrentar a crise. Se é dos cortes e do desmonte, ou se é do investimento, desenvolvimento e da promoção dos direitos", afirmou.

A candidata à Presidência Manuela D’Ávila, que é deputada estadual no Rio Grande do Sul, voltou a falar em “unidade”. “O PCdoB somos os maiores defensores da unidade, porque, para nós, as candidaturas e as diferenças são menores do que a necessidade de vencer as eleições e de retomar o Brasil para o povo brasileiro”, disse no evento.

Os cerca de 600 delegados presentes também aprovaram a chapa pura ao governo e ao Senado. O vereador de Campo Bom Tiago Souza da Silva será o vice de Abigail ao Palácio Piratini, enquanto o vereador de Cruz Alta Everlei Martins buscará uma cadeira no Senado. A convenção também confirmou 20 candidatos a deputado estadual e 30 a deputado federal. Durante todo o período de pré-campanha, o PCdoB gaúcho foi procurado pelo PT e pelo PDT para compor alianças. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.