Partido faz 'defesa intransigente' de imprensa livre

O PMDB aprovou ontem uma moção de "defesa intransigente da liberdade de imprensa". Foi uma resposta ao aliado PT, que, na véspera, decidiu iniciar uma campanha de coleta de assinaturas para apoiar um projeto de iniciativa popular sobre um novo marco regulatório das comunicações. Responsável por apresentar a moção na convenção do PMDB, o deputado federal Lúcio Vieira Lima (BA) disse que o partido precisava dar uma resposta à pretensão do aliado. "Não podemos permitir que uma agremiação defenda o cerceamento da liberdade de imprensa. A sociedade é devedora da imprensa, que é peça fundamental na democracia. Essa moção é em defesa do Brasil", afirmou o deputado. A polêmica discussão sobre o tema está parada no Ministério das Comunicações, que, recentemente, anunciou mais um adiamento do novo marco regulatório./ E.B.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.