Para Patrus, Lacerda optou por Aécio e quer 'acabar' com PT

O ex-ministro Patrus Ananias (PT) acusou seu principal adversário na disputa pela Prefeitura da capital mineira, o prefeito e candidato à reeleição Marcio Lacerda (PSB), de optar pelo PSDB do senador Aécio Neves e querer "acabar com o PT" em Belo Horizonte.

O Estado de S.Paulo

28 de agosto de 2012 | 03h10

De acordo com Patrus, a aliança com o PSDB que elegeu Lacerda em 2008 ficou insustentável e após o rompimento o socialista passou a de usar a máquina da Prefeitura para perseguir aliados do PT na administração municipal. Patrus participou ontem de sabatina promovida pelo jornal Folha de S. Paulo e pelo portal UOl na capital. Segundo ele, Lacerda tem um "problema pessoal" com os petistas e seus aliados.

Agora, conforme Patrus, o prefeito "se esconde" atrás do senador Aécio Neves (PSDB-MG), principal cabo eleitoral do socialista, e força a nacionalização da disputa municipal, já que o tucano é cotado para a corrida presidencial de 2014. "Sou amigo de Lula e Dilma, mas não me escondo atrás deles", afirmou Patrus. / MARCELO PORTELA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.