PARA LEMBRAR: cúpula do órgão sofreu mudança

O Ipem-SP foi objeto de ampla troca de comando em fevereiro. O governo demitiu o então superintendente do órgão, José Tadeu Rodrigues Penteado, meses após ele ter provocado mal-estar com aliados do governador Geraldo Alckmin (PSDB) por participar de um ato a favor de Celso Russomanno (PRB) - então candidato à Prefeitura de São Paulo e adversário do tucano José Serra. Penteado é ligado ao deputado estadual Campos Machado (PTB), que apoiava Russomanno. Três dias após sua demissão, outros 39 funcionários que lhe eram subordinados foram dispensados de suas funções. Na ocasião, o governo afirmou que a troca de comando do Ipem se devia a critérios técnicos. Campos Machado, no entanto, afirmou tratar-se de retaliação.

O Estado de S.Paulo

05 de agosto de 2013 | 02h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.