Para Aníbal, tucano tem 'recall' de eleições passadas

O secretário de Energia de São Paulo e pré-candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, José Aníbal, sugeriu ontem que o avanço do também pré-candidato José Serra em pesquisa Datafolha divulgada no fim de semana é reflexo apenas da recente exposição na mídia do ex-presidenciável tucano. "É apenas recall (recordação). Exposição intensa de um candidato, qualquer um, durante dias, cresce", afirmou Aníbal no Twitter.

O Estado de S.Paulo

05 de março de 2012 | 03h06

Na tentativa de minimizar a importância da pesquisa, que apontou uma expansão de nove pontos porcentuais na preferência de votos em Serra desde o final de janeiro, Aníbal lembrou que o primeiro turno das eleições municipais ocorrerá apenas em outubro. Também aproveitou o microblog para informar sobre o cronograma de reuniões com membros do PSDB e destacar que Serra participou de "todas as eleições" nos últimos 16 anos. "No caso do Serra, faz 16 anos que, em todas eleições, ele é candidato a prefeito, governador e presidente."

O secretário de Energia e o deputado Ricardo Tripoli pretendem disputar com Serra a prévia, marcada para o dia 25, para escolher o pré-candidato do PSDB que vai concorrer à Prefeitura.

O presidente municipal do PT, Antonio Donato, também minimizou os números do Datafolha que mostram o pré-candidato Fernando Haddad, entre 3% e 8% das intenções de voto. "Haddad é ainda desconhecido. Sabemos que isso vai melhorar quando começar a propaganda eleitoral gratuita na TV", disse Donato.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.