Paes diz que conversou 'com naturalidade' com César Maia

Prefeito eleito é adversário político do atual gestor da cidade do Rio; Paes intensificou críticas no 2º turno

Luciana Nunes Leal, de O Estado de S.Paulo

28 de outubro de 2008 | 18h02

O prefeito eleito do Rio  Eduardo Paes, do PMDB, disse nesta terça-feira, 28, que conversou "com naturalidade" com o prefeito Cesar Maia, do DEM, de quem já foi aliado e hoje é adversário político. "O prefeito é um político experiente, que sabe que o debate político tem que acontecer. Se concordássemos em tudo, eu tinha sido o candidato dele", afirmou Paes, ao deixar o Palácio da Cidade. A reunão com Cesar Maia durou pouco menos de meia-hora.   Veja também: Blog da eleição: Veja a apuração e confira os resultados Especial: Perfil dos candidatos do Rio  Geografia do voto: Desempenho dos partidos nas cidades brasileiras  Confira o resultado eleitoral nas capitais do País     Durante o segundo turno, Paes intensificou as críticas ao atual prefeito e criticou o adversário Fernando Gabeira por ter "escondido" o apoio de Maia. Amanhã, Eduardo Paes viaja às 8 horas para Brasília, onde se reúne com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.