O que cada candidato vai fazer com a revisão do Plano Diretor Estratégico?

Postulantes apresentam propostas para o desenvolvimento urbano de São Paulo

O Estado de S.Paulo

20 de outubro de 2012 | 03h05

Fernando Haddad (PT)

 

Plano dará sustentação ao Arco do Futuro

 

O Plano Diretor dará sustentação ao projeto urbanístico do Arco do Futuro, que começa na Av. Cupecê, segue pelas marginais do Pinheiros e Tietê até a avenida Jacu-Pêssego. O Arco engloba áreas que podem ser adensadas de forma planejada, o que contribuirá para reduzir a pressão imobiliária e a verticalização no centro expandido. As transformações urbanísticas ao longo do Arco deverão atrair estabelecimentos geradores de emprego, alterando o padrão de ocupação nas extensas áreas horizontais da periferia. A verticalização planejada garantirá aumento significativo de áreas verdes, sem perda da densidade populacional. Além disso, o município dará incentivo fiscal em razão inversa à demanda imobiliária.

 

José Serra (PSDB)

 

Diminuir desigualdades e instituir planos de bairro

 

A nossa proposta de revisão do Plano Diretor Estratégico será feita com amplo debate com a população e a sociedade civil organizada e encaminhada à Câmara Municipal em seguida. Como orientação geral, o objetivo da legislação deve ser permitir o desenvolvimento do município, buscando a diminuição das desigualdades sociais e regionais, além da racionalização e da melhoria da eficiência do sistema viário e de transporte público e também a requalificação do espaço urbano. Além disso, é preciso utilizar as normas já existentes no Plano Diretor estratégico do município para instituir os Planos de Bairro, que são o instrumento ideal para o planejamento urbano da cidade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.