'Nunca me deram uma trégua', diz Lula sobre mídia

O Estado de S.Paulo

16 de outubro de 2013 | 02h09

O ex-presidente Lula, ao discursar ontem no 1º Congresso Internacional de Responsabilidade Social Empresarial da Argentina, reiterou críticas à imprensa brasileira e afirmou que "não há saída fora da política". Sobre a mídia, o petista disse que "os donos de jornais e canais de TV (no Brasil) ganharam muito dinheiro" em seu governo. "Mas nunca me deram trégua. Nunca deram uma manchete positiva em meu governo. Não me lembro de momento algum em que falaram 'Lula é bom'."

Segundo o ex-presidente, a imprensa contribui para o descrédito da classe política. "Muitos colunistas tentam desacreditar os políticos", afirmou, para em seguida acrescentar: "Mas fora da política não há saída!". "Eu não tenho vergonha de meus deputados nem de minha presidente. Quem quiser um partido melhor que crie um partido político!", exclamou Lula, ovacionado por prefeitos, vereadores, e deputados estaduais da província de Buenos Aires, além de ministros do governo Cristina Kirchner. / ARIEL PALACIOS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.