Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

Novo presidente do País pode ser anunciado às 20h de domingo

Resultados só podem divulgados a partir das 20h por conta do fuso horário do Acre e o horário de verão; antes disso, porém, o TSE já começa a fazer a totalização dos votos

Beatriz Bulla e Mariangela Gallucci, O Estado de S. Paulo

24 de outubro de 2014 | 18h46

Quando a divulgação do resultado das eleições presidenciais deste ano tiver início, às 20h de domingo, o vencedor da disputa presidencial pode já estar definido. Os resultados só podem ser divulgados quando for encerrada a votação em todos os Estados do País. Com a diferença de fuso horário do Acre e o horário de verão, o resultado só poderá ser divulgado às 20h.

Antes disso, no entanto, o Tribunal Superior Eleitoral já começa a fazer a totalização dos votos. Com a agilidade do sistema atual e da votação pela urna eletrônica, há chances de, às 20h, o País já conhecer o seu próximo presidente. Isso porque, neste segundo turno, a diferença entre horário de votação do Acre para as regiões do Sudeste, por exemplo, é de três horas - superior às duas horas de diferença no primeiro turno.

No primeiro turno, quando ainda não havia horário de verão e a diferença entre horário dos Estados era menor, 91% dos votos já haviam sido totalizados 56 minutos depois do encerramento da votação no Acre. 


Em entrevista ao Broadcast Político nesta sexta-feira, o presidente do TSE, ministro Dias Toffoli, evitou estimar a porcentagem de votos que já deverá ter sido contabilizada às 20h. "Os telões vão abrir às 20 horas, quando encerrar o Estado do Acre. Pode ser que tenha resultado, pode ser que não", desconversou.

Ministros e técnicos do TSE acompanham nos computadores do tribunal a evolução da eleição. "O TSE, obviamente, fazendo a totalização, tem as informações. Nós mantivemos (sigilo) no primeiro turno, vamos manter no segundo turno", afirmou o ministro.

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõespresidentetse

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.