Na plateia, Marta diz sair de 'alma lavada'

A ministra e ex-prefeita Marta Suplicy (PT) reclamava quando Serra fazia críticas a sua gestão e mais de uma vez chamou o tucano de "mentiroso". Defendida por Haddad, Marta disse que o petista estava "lavando sua alma". "Estou sendo defendida maravilhosamente", afirmou a ministra, que foi impedida de disputar prévia no PT para ser candidata à Prefeitura.

O Estado de S.Paulo

19 de outubro de 2012 | 08h39

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.