Na Mesa da Casa, mais dois membros sob investigação

Integrantes da Mesa Diretora da Câmara enfrentam investigações que tramitam no Supremo Tribunal Federal. Um deles é o novo 3º secretário, deputado Maurício Quintella Lessa (PR-AL), investigado pelo Ministério Público Federal por suspeita de peculato. O outro é o novo quarto suplente Hidekazu Takayama (PSC-PR), denunciado pelo MPF por suposto desvio de verbas públicas quando deputado estadual no Paraná.

O Estado de S.Paulo

05 de fevereiro de 2013 | 02h04

Quintela Lessa é acusado de envolvimento com irregularidades supostamente cometidas numa licitação na Secretaria de Educação de Alagoas. Seu advogado, Nabor Bulhões, disse ontem que a denúncia é inconsistente. Como são deputados federais, tanto Lessa quanto Takayama têm o direito de serem investigados e processados perante o STF. / MARIÂNGELA GALLUCCI

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.