MST invade fazenda de Cachoeira no DF

O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e o Movimento de Apoio aos Trabalhadores Rurais (MATR) ocuparam ontem a fazenda Gama, adquirida pelo grupo do contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, no Distrito Federal. A assessoria do MST informou que 800 famílias entraram na propriedade. Elas querem uma reunião com o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), para tratar da desapropriação. A área da fazenda tem cerca de 4.090 hectares. Utilizando documentos da Polícia Federal e da própria CPI do Cachoeira, os invasores alegam que a área é pública.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.