MP denuncia dez por fraude em Ponta Porã

O Ministério Público Federal em Ponta Porã (MS) denunciou dez pessoas acusadas de transformar em loteamento terras destinadas à reforma agrária no Assentamento Itamarati, administrado pelo Incra. Os acusados também devem responder por invadir áreas de reserva e arrendar os lotes. Entre os denunciados estão o secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente da prefeitura local, Hélio Peluffo Filho, e os policiais militares Wilson Alves Reche e Júnior Amaral Sobrinho. A Justiça Federal já aceitou a denúncia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.