'Me esquece que eu te esqueço'

O ex-chefe de gabinete de Agnelo Queiroz na Câmara, Francisco Borges Filho, recebeu o Estado na quinta-feira, no condomínio onde mora em Brasília, após a reportagem se identificar. Ele falou por mais de uma hora. Um dia depois, quando outros envolvidos no caso foram procurados, Borges ligou para a redação, na tentativa de impedir a publicação de suas declarações. "Deixa isso para lá. Me esquece que eu te esqueço. A gente senta e conversa e eu até te ajudo em outras coisas", propôs. "Isso aí é matéria que mandaram passar pro Aécio (senador Aécio Neves, do PSDB-MG) para tentar atingir Agnelo", afirmou. / F.F.

O Estado de S.Paulo

11 Junho 2012 | 03h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.