Marta lança na 4ª livro sobre sua experiência na política

A pouco menos de um mês das eleições municipais, a candidata do PT à Prefeitura de São Paulo, Marta Suplicy, lançará na quarta-feira um livro no qual conta sua experiência na gestão da capital paulistana (2001-2004). Em Minha vida de prefeita - O que São Paulo me ensinou, Marta narra sobre sua experiência administrativa e conta um pouco sobre sua vida particular. A candidata, porém, nega que o livro tenha sido escrito como peça de campanha. De acordo com a Editora Agir, Marta teve a idéia de escrevê-lo após deixar a Prefeitura, mas as críticas de seus adversários e o fato de não ter sido reeleita a levaram a abandonar o projeto, que foi retomado neste ano. Nas 216 páginas do livro, a petista fala sobre sua gestão e algumas realizações, como a revitalização do centro e seus projetos na educação, no transporte e na saúde. Marta - candidata em São Paulo pela coligação "Uma Nova Atitude para São Paulo" (PT-PCdoB-PDT-PTN-PRB-PSB) - também faz uma "reflexão sobre o preconceito contra as mulheres na política" e conta fatos sobre seu período na Câmara dos Deputados (1995-1998). A convivência com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva é citada, assim como a separação do senador Eduardo Suplicy (PT-SP) e a união posterior com Luis Favre. O livro será publicado pela Editora Agir e custa R$ 34,90.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.