Maia muda funções na Casa para proteger deputado acusado

Em um ato monocrático, o presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia (PT-RS), mudou as atribuições dos membros da Mesa, retirando a função de corregedor do 2.º vice-presidente, para permitir que o deputado Fábio Faria (PSD-RN) assuma o cargo. O parlamentar foi indicado pelo PSD para a ocupar a 2.ª Vice-Presidência da Casa, mas já foi acusado de irregularidades no uso de verba indenizatória.

DENISE MADUEÑO / BRASÍLIA, O Estado de S.Paulo

02 de fevereiro de 2013 | 02h00

Em 2009, quando ainda era do PMN, Fábio Faria devolveu dinheiro à Câmara depois que o site Congresso em Foco revelou que ele havia desviado recursos de sua cota destinada ao exercício parlamentar para atividades privadas.

O deputado usou passagens de sua cota na Câmara para levar atores de TV ao seu camarote no Carnaval fora de época em Natal (RN). Além disso, Fábio Faria também tinha se utilizado de verba pública para bancar viagens de sua ex-namorada, a apresentadora Adriane Galisteu.

A decisão de Marco Maia foi tomada, ontem, depois que os integrantes da Mesa, reunidos na quinta-feira, não concordaram com a alteração. Maia transferiu a Corregedoria da Câmara para a 3.ª Secretaria, cujo indicado para o cargo será o deputado Maurício Quintella Lessa (PR-AL).

A pedido. O ato de Maia deverá ser submetido à próxima Mesa da Câmara para ser validado.

O deputado petista afirmou que fez a troca à pedido do PSD, que não queria assumir a Corregedoria. O presidente da Câmara levantou a possibilidade de a próxima Mesa tornar a Corregedoria um órgão independente.

Para isso, no entanto, terá de ser aprovado um projeto em plenário. Cabe à Corregedoria apurar denúncias contra os parlamentares, elaborar pedidos de cassação em caso de falta de decoro e encaminhá-los ao Conselho de Ética, após aprovação da Mesa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.