Lula critica ACM Neto por Bolsa Família

A quatro dias do 2.º turno, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou ontem a Salvador para tentar um último empurrão na candidatura de Nelson Pelegrino (PT). Na capital baiana, ACM Neto (DEM) aparece com 47% das intenções de voto, ante 39% do petista, segundo pesquisa do Ibope.

JOÃO DOMINGOS E TIAGO DÉCIMO, O Estado de S.Paulo

25 de outubro de 2012 | 03h02

Sob forte calor, Lula participou de uma carreata de cerca de uma hora, seguida de curto comício, na periferia da cidade, e travou uma disputa pela paternidade do Bolsa Família.

No discurso de pouco mais de seis minutos - ele foi para Cuiabá (MT) em seguida -, Lula não poupou ACM Neto de críticas, que respingaram também no atual prefeito da capital baiana, João Henrique Carneiro (PP).

O ex-presidente acusou o candidato do DEM de mentir em relação ao principal programa social do governo federal.

"Agora, ele está contando uma mentira sórdida: que foi o avô dele quem criou o Bolsa Família", comentou Lula, em alusão à campanha do DEM, no qual ACM Neto diz ser a favor do Bolsa Família por ele ter como origem o Fundo de Combate à Pobreza, criado pelo senador Antônio Carlos Magalhães (morto em 2007). "A Bolsa Família que eles criaram foi outra, só atendeu a uma família, a deles."

Lula também voltou a lembrar, mais uma vez na campanha, do discurso no plenário da Câmara dos Deputados, em 2005, no auge do escândalo do mensalão, quando o deputado anunciou que daria "uma surra no presidente".

Prefeito. "Ele disse que queria me bater, mas eu jamais ia brigar com ele porque, se eu batesse, seria uma vergonha, e se eu apanhasse, seria uma vergonha e meia", prosseguiu Lula.

Os ataques do ex-presidente chegaram ao prefeito João Henrique - que integra um partido da base do governo federal, o PP. "Não é nossa responsabilidade se o atual prefeito é um fracassado e não fez as coisas que prometeu", alegou.

"Depois de um prefeito que não fez o que prometeu, a gente não vota no pior, a gente vota no melhor. Nós temos história. É só ir a qualquer cidade que o PT governou que a gente vai perceber que o PT governou melhor do que eles (o DEM)."

Tudo o que sabemos sobre:
eleições 2012

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.