Kassab faz vistoria em clima de festa em escola da zona leste

Prefeito foi recebido por crianças e moradores que o paravam para dizer que tinham votado nele no 1º turno

Carolina Freitas, da Agência Estado

09 de outubro de 2008 | 13h58

O prefeito e candidato à reeleição, Gilberto Kassab  (DEM), vistoriou nesta quinta-feira, 9, o Centro Educacional Unificado (CEU) Três Pontes, no Itaim Paulista, zona leste - reduto da adversária petista, Marta Suplicy. Cercado de dezenas de crianças, Kassab foi saudado com gritos das janelas das salas por alunos em aula. "Saúde, Kassab", gritavam os estudantes, imitando um brinde feito por um ator mirim com um copo de leite em uma propaganda de TV do candidato no 1º turno. Veja Também:GEOGRAFIA DO VOTO: confira o desempenho dos partidos em TODO o País Confira o resultado eleitoral nas capitais do País As principais promessas dos candidatos Enquete: O resultado das eleições surpreendeu?   PTB segue tucanos e declara apoio a Gilberto Kassab em São PauloCúpula do PT quer mudança 'radical' campanha de Marta Em meio às conversas com os responsáveis pela escola e visita às salas de aula, pipocaram gritos das crianças, declaração de voto dos adultos e promessas do candidato. Alguns estudantes entoavam versos dos jingles de Kassab e outros tinham nas mãos plaquinhas com o personagem da campanha "Kassabinho", versão em desenho animado do prefeito. Tudo era gravado por um microfone de lapela colocado em Kassab pela produtora da campanha assim que ele chegou ao CEU. Enquanto as crianças faziam festa, moradores do bairro procuraram Kassab para contar que tinham votado nele no 1º turno, declarar que manteriam a preferência e elogiar a escola. "Fiz minha obrigação", respondeu o prefeito. A uma mãe com um bebê no colo, Kassab prometeu a construção de mais creches na região. "É compromisso nosso." A vistoria foi divulgada tanto na agenda oficial de prefeito quanto na de campanha. Assessores da Secretaria de Infra-Estrutura Urbana e Obras distribuíam aos jornalistas um material sobre o CEU Três Pontes, que enumerava ainda os 13 centros inaugurados e os 12 em andamento na gestão do democrata. Para não dar munição aos adversários, dois cabos eleitorais esperaram Kassab entrar no carro para desembarcar no CEU, com colete verde da campanha e panfletos nas mãos. Depois da visita de uma hora à escola, o candidato reservou dez minutos para uma caminhada - de campanha - por uma rua de comércio do Itaim Paulista. Alegria Dezessete pontos porcentuais à frente da candidata do PT, Marta Suplicy, Kassab evitou comentar a pesquisa Datafolha de intenção de voto divulgada hoje. Preferiu falar sobre os dados do Datafolha que indicam 61% de aprovação a sua administração. "O importante é a avaliação que a população faz da gestão", insistiu, ao dividir a "alegria" mais uma vez com o governador do Estado, José Serra, do PSDB. "Tenho certeza que ele (Serra) deve ficar muito contente." Dentro da estratégia "propositiva" de campanha, Kassab se negou a fazer qualquer revide às críticas de Marta. Ontem (8), a petista acusou Kassab de ser "dissimulado": "Eu tenho propostas. Não tem nenhum sentido nós não focarmos em propostas", repetiu o democrata à exaustão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.