Prefeitura de Fortaleza
Prefeitura de Fortaleza

Justiça libera uso de imagem do Capitão América na eleição em Fortaleza

Tribunal Eleitoral do Ceará libera uso de camisetas com o símbolo do super-herói apropriado por militância do candidato Capitão Wagner durante votação do segundo turno

Igor Gadelha, enviado especial, O Estado de S.Paulo

27 de outubro de 2016 | 18h37

FORTALEZA - A Justiça Eleitoral do Ceará liberou a utilização de camisetas e confecções com o símbolo do personagem Capitão América durante a votação do segundo turno das eleições em Fortaleza, no próximo domingo, 30.  

A decisão foi tomada na noite dessa quarta-feira, 26, pelo pleno do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) e favorece o candidato do PR a prefeito da cidade, o deputado estadual Capitão Wagner, que associou o super-herói criado pela Marvel à sua própria figura. A militância usava as blusas em referência à campanha dele.

A decisão de liberar o uso das camisetas foi da juíza Joriza Magalhães Pinheiro e foi acompanhada por todos os outros juízes da corte.  Ela acatou representação protocolada pela coligação “"Juntos Somos Mais" (PR/PMDB/PSDB/SD), da qual Wagner faz parte.

A coligação entrou com o pedido após a policial Elilda Lima de Aquino receber ordem de prisão de um promotor de Justiça Marcos Renan, por usar uma camisa com o símbolo do Capitão América no dia da votação do primeiro turno em Fortaleza.

De acordo com a última pesquisa Datafolha/O Povo, divulgada em 22 de outubro, Capitão Wagner tem 36% das intenções de voto para prefeitura de Fortaleza, atrás do atual prefeito da capital cearense, Roberto Cláudio (PDT), que tenta reeleição.

Wagner tem como principais apoiadores os senadores cearenses Eunício Oliveira, líder do PMDB no Senado, e Tasso Jereissati (PSDB). Já os principais cabos eleitorais de Roberto Cláudio são os irmãos Cid e Ciro Gomes e o governador do Ceará, Camilo Santana (PT).

Mais conteúdo sobre:
Capitão WagnerFortaleza

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.