Já condenado pelo Supremo, Valério sai de casa em BH

O empresário Marcos Valério Fernandes de Souza, apontado como "operador" do mensalão e já condenado pelo Supremo Tribunal Federal em parte das acusações feitas pelo Ministério Público Federal, deixou a casa onde mora com os filhos e com a mulher, Renilda Santiago, em Belo Horizonte. A informação foi confirmada ontem pelo advogado Marcelo Leonardo, que defende o réu no julgamento do Supremo.

O Estado de S.Paulo

22 de setembro de 2012 | 03h04

Valério deixou a casa de alto padrão na Pampulha e foi morar em um flat na capital mineira. Marcelo Leonardo disse que o empresário saiu do imóvel nesta semana, mas negou que o casal tenha brigado ou se separado em definitivo. "Havia um desgaste interno dessa relação", admitiu.

Assim como o próprio Valério, Renilda tem crises emocionais frequentes. Com as condenações já impostas ao marido pelo Supremo, ela teme que ele volte a ser preso e demonstra preocupação com seu futuro financeiro e o dos filhos. Nesta semana, Renilda desabafou com um repórter ao telefone e pediu a outro que bateu à sua casa que deixasse seus filhos em paz.

Em 2005, a mulher de Valério afirmou em depoimento à CPI dos Correios que o ex-ministro José Dirceu sabia dos empréstimos feitos pelo marido nos bancos BMG e Rural a pedido do tesoureiro do PT, Delúbio Soares. Dirceu nega. / FERNANDO GALLO

Tudo o que sabemos sobre:
mensalao

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.