Itamar era o elo entre os dois grupos

Itamar Ferreira Damião, 54 anos, mineiro de Canaã, eleito em outubro vice-prefeito de Nazaré Paulista pelo PSC, é apontado pela PF como o líder dos arapongas e elo entre as duas organizações criminosas ontem desmanteladas. Ele foi preso pela Operação Durkheim. Veterano 'grampeiro', especializado na instalação de escutas e bisbilhotagem, mantém relações próximas com policiais. Obtém com extrema facilidade e rapidez informações privilegiadas sobre alvos, inclusive dados tributários. Em sua declaração de bens ao Tribunal Regional Eleitoral, Itamar informou patrimônio de R$ 3,38 milhões, entre imóveis (apartamento de R$ 1,5 milhão), sítio, carros e até caminhão e motos. F.M.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.