Haddad alfineta senadora e sugere que ela ignorou militância e Lula

Após admitir que ficou chateado com a ausência da senadora Marta Suplicy (PT-SP) na cerimônia que homologou sua candidatura à Prefeitura de São Paulo, o petista Fernando Haddad evitou o assunto durante visita, ontem, ao Parque Ecológico do Guarapiranga, na zona sul da capital.

O Estado de S.Paulo

04 de junho de 2012 | 03h09

Sem citar a ex-prefeita, não deixou de alfinetá-la, porém. Disse que quem não foi perdeu "uma grande oportunidade de estar com a militância do PT e, sobretudo, com o presidente Lula".

O pré-candidato voltou a se espelhar na administração federal para criticar a gestão do prefeito Gilberto Kassab (PSD). "Vamos procurar demonstrar que há uma assimetria entre o que o governo federal tem feito em benefício da população brasileira como um todo e o que a Prefeitura de São Paulo tem feito em benefício da vida comunitária da cidade. A vida urbana está muito sacrificada, as pessoas estão reclamando muito." O ex-ministro participou, pela manhã, do Abraço à Guarapiranga, ato em defesa da Represa do Guarapiranga.

Em Fortaleza. Ontem, a prévia do PT na capital cearense escolheu o secretário municipal de Educação, Elmano de Freitas, como candidato do partido. Elmano, com apoio da prefeita Luizianne Lins (PT), venceu a prévia disputada contra o deputado federal Artur Bruno.

A definição no PT ocorreu após dois adiamentos da consulta interna. A prévia, prevista inicialmente para abril e em seguida para maio, foi postergada novamente para manter o arco de alianças de 13 partidos que apoiaram a reeleição de Luizianne, em 2008. Mas, mesmo com a intermediação do ex-presidente Lula para que a aliança fosse mantida, o PSB e o PMDB vetaram o nome de Elmano de Freitas. O presidente nacional do PT, Rui Falcão, ainda tentará convencer os presidentes estaduais do PSB, governador Cid Gomes, e do PMDB, senador Eunício Oliveira, a apoiar Elmano. / RICARDO CHAPOLA e LAURIBERTO BRAGA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.