Reprodução/Facebook
Reprodução/Facebook

Garotinho declara apoio a Romário ao governo do Rio de Janeiro

O ex-governador teve sua candidatura suspensa pelo Tribunal Superior Eleitoral no último dia 27 de setembro

Luana Pavani, O Estado de S.Paulo

06 Outubro 2018 | 10h37

Anthony Garotinho (PRP) diz que dará apoio a Romário Faria (Podemos) na eleição a governador do Rio de Janeiro. "Nesse momento estou colocando minha razão acima do meu sentimento", afirmou o político que teve sua candidatura suspensa pelo Tribunal Superior Eleitoral no último dia 27 de setembro.

O ex-governador disse que conversou muito com a família e com seus advogados, chegando à conclusão que a chance de obter vitória no recurso que será julgado após a eleição de domingo é muito pequena. "E há um risco. Esse voto que as pessoas desejam dar ao meu nome, caia para voto nulo, o que favorece o candidato de Sérgio Cabral, o grupo que destruiu o Estado do Rio de Janeiro". Após essa análise, percebeu que ao invés de ajudar o povo, sua candidatura ainda poderia causar a vitória da "gangue da corrupção, a gangue dos guardanapos".

Em um longo depoimento ao lado da esposa Rosinha Garotinho publicado no seu perfil no Facebook em "live" ontem à noite, diz que os advogados aconselharam a "não facilitar a vida" principalmente de Eduardo Paes (DEM). "Tudo o que eles querem é que você vote em mim e depois o voto seja anulado e ele ganhe a eleição por esses votos nulos".

No vídeo, após cerca de oito minutos de depoimento, Garotinho tira o selo 44 do peito, e abraçado a Rosinha, ambos o trocam pelo número 19, declarando apoio a Romário, quando entra a legenda "Garotinho agora é 19!". O ex-governador conta que conversou ao telefone com o casal e se comprometeu a gerar empregos em estaleiros e abrir ensino técnico nas Etecs no período noturno, além de levar saneamento às comunidades mais carentes do Estado. O vídeo segue com outras sugestões de voto, ultrapassando 40 minutos. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.