Filho de Maluf não consegue indenização

O juiz Danilo Mansano Barioni negou, em sentença publicada anteontem, o pedido de indenização feito por Flávio Maluf, filho do ex-prefeito Paulo Maluf, contra a ex-primeira-dama Nicéa Teixeira de Carvalho, que foi casada com o ex-prefeito Celso Pitta. O magistrado julgou a ação por danos morais improcedente e condenou Flávio ao pagamento dos custos do processo, fixados em R$ 5 mil pela Justiça. Ainda cabe recurso.

O Estado de S.Paulo

09 de fevereiro de 2012 | 03h08

Flávio acusa Nicéa de persegui-lo em uma "sanha difamatória", iniciada quando a ex-primeira-dama denunciou, em entrevista, um suposto esquema de corrupção envolvendo Pitta e diversos secretários de sua gestão, além de Maluf e seu filho.

Na sentença desta semana, contudo, a Justiça concluiu que Flávio não conseguiu provar que houve "má fé"nas declarações de Nicéa. O texto afirma que a ex-primeira-dama "apenas narrou fatos de que tinha conhecimento". Essa foi a primeira decisão no processo, que se arrasta na Justiça desde 2003.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.