Felipe Rau/Estadão
Felipe Rau/Estadão

Filho de Bolsonaro bate recorde de votos na Câmara

Eduardo Bolsonaro (PSL) obteve mais de 1,8 milhão de votos; o recorde anterior era de Enéas Carneiro, do extinto Prona, com 1,5 milhão

Marianna Holanda, O Estado de S.Paulo

07 Outubro 2018 | 22h10

Filho do presidenciável do PSL, Jair Bolsonaro, Eduardo Bolsonaro (PSL) bateu o recorde de votos absolutos para a Câmara dos Deputados, com mais de 1,8 milhão, desde a redemocratização. Antes dele, era o ex-candidato à Presidência Enéas Carneiro, do extinto Prona, quem ocupava o posto. Em 2002, ele se elegeu com 1.537.642 votos (8,02%). Há quatro anos, Eduardo foi eleito para o seu primeiro mandato com 82,2 mil votos.

Com apenas um partido na sua coligação em São Paulo, a legenda elegeu nove deputados, quatro deles puxados pela alta votação do filho de Bolsonaro e da jornalista Joice Hasselmann, que também obteve mais de um milhão de votos. Se todos os nomes forem confirmados pela Justiça Eleitoral, o PSL terá bancada de 56 deputados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.