Estado e Cultura terão debate de candidatos do 2º turno em SP

Debate acontecerá no dia 13 de outubro e será transmitido pela Rádio Eldorado e pela Rádio Cultura AM

Da Redação,

05 de outubro de 2008 | 20h51

O Estado e a TV Cultura promoverão, no próximo dia 13, um debate com os candidatos que vão disputar o segundo turno da eleição para a Prefeitura de São Paulo. Os candidatos responderão a perguntas de eleitores e dos jornalistas Dora Kramer e Celso Ming, do Estado, e Lillian Witte Fibe e Alexandre Machado, da TV Cultura.   Veja Também: Cobertura completa das eleições 2008  Especial: Perfil dos candidatos  Eu prometo: Veja as promessas de campanha dos candidatos  TSE registra 168 prisões e casos de 509 irregularidades  Imagens da votação pelo Brasil    Haverá participação direta do público no programa. Os eleitores poderão enviar perguntas aos candidatos por meio do portal do Grupo Estado na internet, no endereço www.estadao.com.br/debate2008 (o site entrará no ar ao término da apuração do TSE).   Serão selecionadas dez questões sobre cinco temas prioritários para a população de São Paulo, segundo pesquisas de opinião: saúde, transporte, emprego, segurança e educação. Os autores das perguntas serão convidados a comparecer ao estúdio, onde se dirigirão diretamente aos candidatos.   Mediado pelo apresentador Heródoto Barbeiro, o evento será transmitido, a partir das 21h40, pela TV Cultura, pela Rádio Cultura AM e pela Rádio Eldorado. O Portal estadao.com.br publicará flashes com as principais informações do debate.   O programa será dividido em quatro blocos. Nos dois primeiros, os concorrentes à prefeitura responderão às questões levantadas pelo público. No terceiro haverá a participação dos jornalistas. E, no bloco final, os candidatos poderão fazer perguntas um ao outro.   "Após as sabatinas transmitidas ao vivo pela internet, o debate em parceria com a TV Cultura é mais uma contribuição ao processo eleitoral e solidifica a atuação multimídia do Grupo Estado, um jornalismo hoje presente em diversos meios de transmissão", diz Ricardo Gandour, diretor de Conteúdo do Grupo Estado.   "O debate promovido pela TV Cultura e o jornal O Estado de S. Paulo é importante como reinício da disputa eleitoral, com a certeza de que será pautado pelo equilíbrio, isenção e independência que caracterizam esses dois veículos de comunicação", disse Paulo Markun, presidente da TV Cultura.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.