Entre 26 capitais, 11 terão segundo turno em 2008

De acordo com dados do TSE, pelo menos cinco candidatos à reeleição ainda estão na disputa

Da Redação,

05 de outubro de 2008 | 22h09

Onze capitais do País terão segundo turno, segundo os dados da apuração do Tribunal Superior Eleitoral. De acordo com os números, dos 20 candidatos à reeleição, pelo menos cinco ainda estão na disputa pela Prefeitura. Além disso, em 15 capitais o pleito será decidido já em primeiro turno.       Veja também: Especial: Perfil dos candidatos em São Paulo  Galeria de fotos dos candidatos à Prefeitura   Cobertura completa das eleições 2008  Eu prometo: Veja as promessas de campanha dos candidatos  Vereador digital: Depoimentos e perfis de candidatos em São Paulo   Tire suas dúvidas sobre as eleições   Esse é o caso de Curitiba (PR), onde o atual prefeito Beto Richa (PSDB) terminou o dia com 77% dos votos, e de Vitória (ES), em que João Coser (PT), registrou 65% da preferência. Os prefeitos de Palmas (TO) - Raul Filho (PT) -, João Pessoa - Ricardo Coutinho (PSB) -, Aracaju - Edvaldo Nogueira (PCdoB), Campo Grande - Nelson Trad (PMDB) -, Maceió - Cícero Almeida (PP) -, Porto Velho - Roberto Sobrinho (PT), Fortaleza - Luizianne Lins (PT) -, Goiânia - Íris Rezende (PMDB), Teresina - Silvio Mendes (PSDB) -, Boa Vista - Iradilson Sampaio (PSB) -, e Rio Branco - Raimundo Angelim (PT) - também foram reeleitos em primeiro turno.   Apenas dois dos 15 candidatos eleitos em primeiro turno terão seu primeiro mandato à frente da Prefeitura: Micarla de Sousa (PV), em Natal, e João da Costa (PT), em Recife. O candidato eleito na capital de Pernambuco era apoiado pelo atual prefeito, João Paulo Lima.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.