Entidades culpam governo federal por confronto

Diversas entidades de Cuiabá (MT) realizaram ontem um ato público em defesa dos povos indígenas. Além disso, assinaram um manifesto criticando a atuação da Polícia Federal no confronto com os índios mundurucu. No documento, as entidades responsabilizam o governo brasileiro pelo ocorrido e exigem que os fatos "sejam apurados e os culpados pelos ataques e assassinato do índio mundurucu sejam criminalmente penalizados".

O Estado de S.Paulo

10 de novembro de 2012 | 02h06

Dentre os signatários estão o Movimento Xingu Vivo, a Comissão Pastoral da Terra, o Diretório Central dos Estudantes da UFPA e partidos políticos, como o PSOL e o PSTU. O grupo diz que a operação da PF atende a "interesses de empresários, ávidos pelos recursos minerais em terras indígenas". O documento será encaminhado para a presidente Dilma Rousseff, para o Congresso e organismos internacionais de defesa de direitos humanos. / F.L.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.