Em outro processo, redução da pena

Num outro processo, Luiz Estevão conseguiu reduzir um pouco a pena que lhe tinha sido imposta pelo crime de uso de documento falso. Ao julgar um recurso, o Superior Tribunal de Justiça diminuiu de 3 para 2 anos e 6 meses a reclusão. O Ministério Público Federal acusa o empresário de apresentar um livro de contabilidade falso na CPI do Judiciário no Congresso Nacional.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.