Divulgação
Divulgação

Em Jundiaí, candidatos se dividem entre rede social e corpo a corpo na abertura de campanha

Corpo a corpo e uso do meio virtual vão conviver na busca para cativar o eleitor

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

26 de setembro de 2020 | 13h00

SOROCABA – Na primeira campanha eleitoral da história recente do País durante uma pandemia, os candidatos à prefeitura de Jundiaí, interior de São Paulo, vão se dividir entre o tradicional corpo a corpo e a abordagem virtual dos eleitores por meio das mídias digitais, principalmente as redes sociais.

No primeiro dia de campanha, neste domingo, 27, pelo menos dois principais candidatos – o médico Antônio de Pádua Pacheco, do Podemos, e a urbanista Daniela da Câmara, do PT – vão para as ruas falar diretamente com o eleitorado, mas com máscaras e outros cuidados.

Outros dois, o atual prefeito Luiz Fernando Machado, do PSDB, e o ex-prefeito Pedro Bigardi, da Rede, preveem uma campanha mais virtual do que presencial. Os candidatos podem fazer campanha na internet, por meio de blogs, redes sociais e sites.

Já na manhã deste domingo, o candidato Dr. Pacheco, como é mais conhecido, vai visitar a Feira da Vila Hortolândia, uma grande feira livre de Jundiaí. “Será o marco inicial da campanha. Quero conversar com os feirantes, que sabem muito sobre os problemas da cidade.” Na segunda-feira, 28, de manhã, o médico vai visitar o comércio da região central e bairros próximos.

Para Entender

Calendário Estadão

As datas, definições partidárias, candidaturas e a cobertura especial do jornal das campanhas pelo País e nos Estados Unidos

Daniela, a candidata do PT, também não pretende abrir mão do contato direto com os eleitores, que é uma marca do partido, mas com os cuidados em razão da pandemia. É a primeira vez que Daniela se envolve diretamente em uma disputa eleitoral. Na manhã deste domingo, 27, ela inaugura a campanha em caminhada por um dos bairros da cidade – o local será definido na véspera. “Todo mundo de máscara, levando álcool gel, guardando a distância necessária”, disse. À tarde, Daniela fará uma reunião online com apoiadores.

Luiz Fernando inicia a corrida para tentar a reeleição sem evento presencial no dia de estreia. Segundo sua assessoria, o candidato tem agendadas para este domingo a gravação de vídeos da campanha e uma reunião virtual com grupo de apoiadores. De acordo com a assessoria, Luiz Fernando sempre usou as redes sociais como canal de diálogo com a população e seguirá com esse hábito durante a campanha.

O candidato a prefeito pela Rede, Pedro Bigardi, que já disputou oito eleições, prevê uma campanha mais virtual. “Neste ano, a campanha será diferente. Por conta da pandemia, vou priorizar redes sociais, evitando ao máximo contatos pessoais e reuniões para não colocar em risco a vida das pessoas. Farei reuniões virtuais, lives e divulgação de conteúdo online”, afirmou. No domingo, não fará campanha: vai ficar em casa e comemorar o aniversário da filha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.