Reprodução/ YouTube/ TRE São Paulo
Reprodução/ YouTube/ TRE São Paulo

Em evento híbrido, TRE-SP entrega diplomas presenciais e virtuais a Covas e vereadores eleitos

Apenas o prefeito Bruno Covas (PSDB), o vice-prefeito Ricardo Nunes (MDB) e os três vereadores mais votados da capital paulista foram diplomados presencialmente

Redação, O Estado de S.Paulo

18 de dezembro de 2020 | 12h32

O prefeito Bruno Covas (PSDB), o vice-prefeito Ricardo Nunes (MDB) e os vereadores eleitos em São Paulo na eleição municipal 2020 foram diplomados pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) na manhã desta sexta-feira, 18, em um evento híbrido, com 52 vereadores recebendo a diplomação de forma virtual.

O modelo foi adotado neste ano em razão da pandemia do novo coronavírus, sendo restrito não apenas ao público, mas com a participação da maior parte dos eleitos à distância. O evento também foi transmitido ao público pelos canais virtuais do TRE paulista.

Compareceram pessoalmente à diplomação apenas o prefeito Bruno Covas, reeleito ao cargo no pleito de novembro, o vice-prefeito eleito, Ricardo Nunes, e os três vereadores mais votados no município: Eduardo Suplicy (PT), que teve 167.552 votos, Milton Leite (DEM), com 132.716 votos, e Delegado Palumbo (MDB), com 118.395 votos.

A sessão, presidida pelo juiz da 1ª Zona Eleitoral da Capital, Marco Antônio Martin Vargas, durou pouco menos de 1h30.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.