Facebook / Reprodução
Facebook / Reprodução

Em Curitiba, chapa do PT terá professor de Direito e delegado

Paulo Opuska, candidato a prefeito, e Pedro Felipe, vice, são confirmados pelo partido na eleição municipal

Julio Cesar Lima, especial para o ‘Estadão’, O Estado de S.Paulo

14 de setembro de 2020 | 22h25

CURITIBA – O professor de Direito Paulo Opuska foi confirmado na noite de segunda-feira, 14, durante convenção virtual, o candidato do PT para disputar a prefeitura de Curitiba e terá como vice, o delegado Pedro Felipe. Durante a convenção, o PT apresentou 28 candidatos a vereador, sendo nove mulheres.

Por meio da assessoria, Opuska disse que fará uma gestão voltada “para os mais pobres”. “Nossa campanha tem como meta cuidar da gente, do povo. Vamos construir uma prefeitura para o povo que trabalha, para os mais pobres, para os que mais sofrem com esta pandemia. Quero mostrar à população um jeito diferente de governar, privilegiando a população mais carente", salienta.

Para Entender

Calendário Estadão

As datas, definições partidárias, candidaturas e a cobertura especial do jornal das campanhas pelo País e nos Estados Unidos

Antes da convenção havia a expectativa de o PT fazer uma aliança com o PDT, que terá o deputado estadual Goura Nataraj como candidato, para a formação de uma frente de esquerda, mas a alternativa não se concretizou.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.