Eleitores votam duas vezes em Salvador

Confusão aconteceu por erro de mesário; 'só espero que meu candidato ganhe', diz eleitora prejudicada

Tiago Décimo, de O Estado de S. Paulo,

26 de outubro de 2008 | 19h55

Pelo menos dois eleitores soteropolitanos votaram duas vezes neste domingo, 26, em Salvador por causa de erros de mesários. Em ambos os casos, ocorridos em zonas eleitorais diferentes, as pessoas (um homem e uma mulher) notaram, depois de votar, que os comprovantes entregues a eles não tinham seus nomes impressos, mas os de outras pessoas. Eles, então, voltaram para refazer o processo e corrigir o erro.   Veja também: João Henrique, do PMDB, é reeleito prefeito de Salvador  Geografia do voto: desempenho dos partidos no País   Cobertura completa das eleições 2008   Eu prometo: Veja as promessas de campanha dos candidatos   Perfil dos candidatos de Salvador      O caso que teve mais repercussão foi o da recepcionista Rosilene Junqueira, que foi impedida de votar porque a mulher que votou duas vezes, identificada apenas como Rosimeire, já havia usado o número de seu título para votar, por confusão do mesário. "Quando entreguei meus documentos, fiquei sabendo que não poderia votar", disse a recepcionista. "Só espero que meu candidato ganhe."   O coordenador da 4.ª Zona Eleitoral, onde aconteceu a confusão, Márcio de Almeida, afirma que as responsabilidades serão apuradas e o caso, enviado ao Tribunal Regional Eleitoral baiano. Segundo o TRE, os casos só serão analisados a partir da segunda-feira, 27.

Tudo o que sabemos sobre:
eleições 2008Salvador

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.