Eleitor tucano também balança

A exemplo do PT, também a campanha do candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, José Serra, enfrenta o desafio de ver seus eleitores tradicionais apoiando a candidatura de Celso Russomanno. Como revelou reportagem do Estado de 2 de setembro, o candidato do PRB "surfa" na rejeição ao tucano, motivada, principalmente, pelo fato de Serra ter deixado o cargo de prefeito na metade do mandato, em 2006. Russomanno representaria, segundo analistas, "menos uma opção do que falta de alternativa". A avaliação se baseia em cálculos do Ibope segundo os quais a rejeição do candidato tucano chegou a 34% - que seriam 29% nos chamados bolsões conservadores da cidade e 12% dentro do próprio eleitorado que tradicionalmente vota em candidatos do PSDB.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.