Infográfico
Infográfico

Eleitor de Bolsonaro fica mais fiel na reta final da eleição, diz Ibope

59% afirmam que ‘não mudarão de jeito nenhum’ voto no candidato do PSL, ante 49% da pesquisa anterior

Daniel Bramatti, O Estado de S.Paulo

02 de outubro de 2018 | 11h48

Na reta final da corrida eleitoral, o candidato a presidente Jair Bolsonaro (PSL) não apenas ganhou adeptos, mas tem reduzido o risco de perder apoio de seus atuais simpatizantes. Em uma semana, a parcela dos bolsonaristas que declara que sua decisão é “definitiva e não mudará de jeito nenhum” aumentou de 49% para 59%.

O resultado aparece na comparação entre as pesquisas Ibope/Estado/TV Globo divulgadas em 24 de setembro e 1º de outubro. No mesmo período, as parcelas de eleitores convictos dos demais candidatos apenas oscilaram. No caso de Fernando Haddad (PT), metade de seu eleitorado se declara decidido a não mudar de opção. Mais atrás no ranking aparecem Geraldo Alckmin (PSDB, 29%), Ciro Gomes (PDT, 27%) e Marina Silva (Rede, 23%).

A mais recente pesquisa Ibope mostrou Bolsonaro com 31% de intenção de votos, quatro pontos acima do levantamento anterior. A seguir vieram Haddad (21%), Ciro (12%), Alckmin (8%) e Marina (4%).

Quando se considera apenas os votos válidos, ou seja, sem contar os brancos e nulos, o candidato do PSL lidera por 38% a 25%. Para vencer no primeiro turno, um candidato precisa obter 50% mais um dos votos válidos.

O Ibope ouviu 3.010 eleitores, em 208 municípios, entre os dias 29 e 30 de setembro. A margem de erro máxima é de dois pontos porcentuais, e  o nível de confiança, de 95%. Isso quer dizer que há probabilidade de 95% de os atuais resultados retratarem o atual quadro eleitoral, considerando a margem de erro. Os contratantes foram o Estado e a TV Globo. O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo BR‐08650/2018. A próxima pesquisa Ibope/Estado/TV Globo será divulgada nesta quarta-feira, 3. O último levantamento antes do primeiro turno terá os dados anunciados no sábado, 6, véspera da eleição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.