Donadon: prisão demorou 3 anos

O julgamento dos 38 réus do mensalão em 2012 e, agora, dos recursos dos condenados, pode ser considerado rápido se comparado ao caso do deputado Natan Donadon (sem partido-RO) - o Supremo Tribunal Federal aceitou a denúncia do mensalão há seis anos. A denúncia contra Donadon foi aceita em 2002, mas ele só foi condenado (por formação de quadrilha e peculato) em outubro de 2010. Até março de 2013 ele continuava a exercer seu mandato na Câmara, até que o Supremo publicou a decisão que confirmava a condenação. Em 27 de junho, em meio aos protestos pelo País, o Supremo determinou a prisão imediata do deputado, que se entregou à polícia dias depois.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.